top of page

Exportação Direta e Indireta: entenda as principais diferenças

Por: Lóis Queiroz


A exportação consiste na atividade de envio, seja por meio de venda ou de doação, de produtos e serviços entre países. Para uma empresa, realizar exportação de maneira segura pode significar alcançar a independência do mercado nacional, crescimento econômico e melhor estruturação do aparato burocrático empresarial. Entre os meios de realizar exportação, existem as modalidades direta e indireta.


Imagem reprodução: John Simmons

A diferença entre as modalidades está na decisão de buscar ou não por um intermediador para realizar a exportação. Esses intermédios podem ser feitos por agentes como empresas comerciais especializadas em exportação ou que também atuem no mercado interno, trading companies, empresas especializadas em operações de importação e exportação.


A modalidade direta se caracteriza quando o exportador, seja empresário ou pessoa física, se responsabiliza por todo o processo burocrático e logístico da venda internacional, a fim de reter o controle completo sobre a operação. Algumas das vantagens dessa modalidade são:


  • possibilidade de criar suas próprias estratégias e programar-se melhor para atender às demandas, sem

  • autonomia na busca de parceiros comerciais

  • chance de economia no custo de exportação, cortando o pagamento aos intermediários


Por outro lado, exportar por conta própria pode gerar entraves burocráticos causadores de taxas de impostos muito altas, aumentar a demanda dos recursos humanos de setores de marketing e logística para lidar com o mercado novo, além de exigir um setor dedicado ou pessoa especializada em exportação.


A modalidade indireta tem a grande vantagem de ser mais rápida, pois ao terceirizar para uma empresa especializada etapas do processo de exportação cujo conhecimento leva tempo para ser adquirido, como análise de conjuntura, estudo de mercado, marketing internacional e busca por compradores e distribuidores no exterior, o exportador traz agilidade para o processo.


A exportação indireta também confere maior segurança ao processo, logo que as operações são realizadas por quem já possui experiência com exportação e domina o aparato burocrático e logístico das etapas para exportação, evitando o risco de erros custosos para a empresa. Também há redução de custo para o exportador, que ao terceirizar o processo dispensa a necessidade de fazer alterações operacionais na empresa.


Quer expandir sua marca e seus produtos para o mercado internacional com segurança?


A Líderi Júnior disponibiliza soluções que te auxiliam a entender as oportunidades internacionais para o seu negócio, por meio deestudos de mercado,análise de conjuntura, logística ,planejamento burocrático e prospecção internacional. O apoio de uma consultoria internacional é o diferencial para conseguir sucesso nesse processo, agende um diagnóstico gratuito com um de nossos consultores.


FONTES: Valor Aduaneiro; Conexos.


49 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
bottom of page